18/02/2005

desculpas

Joaquim Chissano afirmou:
 
África funcionou durante três séculos consecutivos como uma imensa reserva de mão-de-obra para a economia mundial", salienta, esti! mando que o impacto deste "negócio ignóbil" sobre a população local terá afectado "mais de 50 milhões de pessoas", a maioria delas jovens e economicamente activas.

Para que os danos causados pela escravatura possam ser minorados, o ex-Presidente moçambicano exige um pedido de desculpa oficial não só por parte do governo português mas também dos restantes países que o fundador da Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO) considera terem usado o trabalho escravo.

23:05 Écrit par Kavimbi | Lien permanent | Commentaires (0) |  Facebook |

Les commentaires sont fermés.